Caso Algacir: Julgamento dos suspeitos continua nesta quinta-feira

Por Francione Pruch quarta-feira, 29 jun 2016 21:40 PM 

Fonte: Edson Zuconelli / Wagner Salgado
Júri na Comarca de Guarapuava.
Júri na Comarca de Guarapuava.
Após oito horas ouvindo 12 testemunhas entre acusação e defesa, a Juíza que preside o Júri Popular no julgamento de Elvi Aparecida Haag Ferreira e seu esposo Nilton Ferreira, suspendeu a seção, por volta das 18h30 de hoje (29), alegando que os jurados optaram por ter o seu descanso e que, em continuando com a seção, poderia prejudicar a defesa ou a acusação pelo fato do cansaço.
A seção do Júri retorna amanhã, quinta-feira (30). Agora na fase de debates entre promotoria (acusação) e a defesa. Caso não haja réplica por parte dos promotores, acredita-se que até às 16 horas tenha um veredicto.
Elvi e Nilton são acusados de envolvimento na morte do procurador do município de Chopinzinho, Algacir Teixeira de Lima, registrado na tarde de 16 de março de 2015, no centro da cidade.
Primeira parte
A seção de hoje (29) foi marcada pela presença do Delegado de Polícia Alexander Meurer, que na época presidiu o inquérito (ele está lotado na subdivisão de Pato Branco, porém já com data prevista para assumir cargo no estado de Santa Catarina), o qual respondeu aos questionamentos da promotoria e defesa para explicar como se deu os trabalhos da polícia para “elucidar” o caso.
O delegado foi bastante embatido pelos promotores e também pela defesa, a qual procurou argumentar em possíveis falhas no andamento do inquérito, citando, por exemplo, um possível cerceamento de defesa.
O ponto mais alto do dia ficou mesmo quando os réus adentraram ao Júri, ambos estavam com um grande aparato de segurança realizado pelas polícias civil e militar.
Eles foram interrogados pela Juíza, promotoria e defesa. Elvi respondeu a poucos questionamentos e como estratégia de defesa optou pelo direito de se permanecer calada. Já seu marido Nilton respondeu a todas as questões.
Não há, ainda, como ter uma previsão de qual será o veredicto do Júri, o que se sabe, apenas, é que esta quinta-feira (30) guarda embates ferrenhos de fatos e direitos. A Difusora América continua acompanhando o desenrolar do julgamento.
FONTE: PORTAL RBJ

0 comentários: